A emenda Airton Sandoval

A CNM foi ativa nas tratativas que viabilizaram, em 1985, a Emenda Constitucional nº 27 de 1985, de autoria do deputado Airton Sandoval, juntamente com a Frente Municipalista Nacional, liderada pelo vice-governador de São Paulo, Orestes Quércia. O clima político da abertura já possibilitava posicionamentos claros de oposição ao governo federal. A emenda foi particularmente importante para os Municípios porque o FPE se manteve com a mesma taxa de 14%, mas o FPM aumentaria em 1%, de 16% para 17%.